Desconfinamento, abertura de edifícios e Legionella  

 

Devido à pandemia do COVID-19, uma das principais medidas implementadas no sentido da sua prevenção consistiu no encerramento de edifícios e isolamento de indivíduos. Estando este período a terminar e a sociedade a retomar a rotina, verifica-se a gradual abertura de vários edifícios que se encontravam encerrados.

  

No entanto, e, apesar de o surto de COVID-19 ser a maior preocupação no momento atual, também é importante ter em conta que após o desconfinamento, os edifícios que se encontravam encerrados podem representar um ambiente propício a outra infeção - a Legionella - conhecida como a doença dos legionários.



 


Legionella


Esta patologia tem como causa a inalação de gotículas de água que contêm a bactéria Legionella pneumophila, que, apesar de rara, o risco de ocorrência de surtos aumenta com longos períodos de inatividade de edifícios, podendo ser mortal e infetar vários indivíduos ao mesmo tempo.

  

Uma vez que causa pneumonia grave, os seus sintomas podem ser confundidos com a COVID-19, entre eles febre, tosse seca, dores musculares e dificuldades respiratórias.

  

 



Mas, ao contrário da COVID-19, esta não se transmite de pessoa para pessoa, mas sim através de inalação de gotículas de água contaminadas no ar, através de chuveiros, torneiras, sistemas de ar condicionado, piscinas, banheiras de hidromassagem e/ou fontes de água.


Sendo a temperatura ideal para esta bactéria entre 20 e 45ºC, o que coincide com as temperaturas de Verão em Portugal e com o desconfinamento, encontram-se reunidas as condições para a ocorrência de surtos de Legionella.


Nesse sentido, a avaliação dos sistemas de água nas instalações torna-se necessária, bem como a consciencialização pública e comercial do controlo da Legionella para prevenção de patologias a longo prazo.


A Legionella pode ser um problema de saúde pública, em locais como, hotéis, restaurantes, espaços comerciais, spas, indústrias e escritórios.


A ALS tem disponível as análises, Pesquisa e quantificação de Legionella e Identificação de Legionella pneumophila, acreditadas pelas técnicas de microbiologia e Real Time PCR.

  


 Se ficou interessado, e quiser saber mais,

  entre em contacto connosco através do email

Ligados.a.Si@alsglobal.com